07 setembro 2006

Quando você foi embora fez-se noite em meu viver...

Feriado de 7 de setembro, um dia pra eu esquecer da minha vida. E olhe que ele nem acabou.

Desde ontem a noite que estou me sentindo sem vontade pra nada. Motivação zero. Percebi que estou num estado de melancolia profunda, sentindo falta de alguém comigo. Desde que comecei a namorar sério, a uns 7 anos atrás, não me acostumei com essa coisa chamada
solteirice. EU PRECISO DE ALGUÉM COMIGO!!!!!!!

Para complicar mais as coisas, não tem ninguém pra ocupar esse vazio. Por tudo que me acoteceu esses dias, todas as portas estão fechadas (seja por vontade minha ou não). E isso me deixa agoniado.

Mas também não vou dar um passo maior que a perna e magoar alguém novamente. Isso é pior que minha melancolia.

Queria poder ter escolhido sumir ontem a noite e só voltar na hora de trabalhar amanhã. Acho que esse não feriado no trabalho vai me ajudar. Quem diria????

Será que rola serra no sábado? Tô implorando pra que sim. Colocar as energias pra fora, cansar o corpo e a mente (e também tirar umas fotos). Acho que se brincar vou sozinho. Depois vocês terão noticias.

Ainda espero o perdão de uma pessoa que me faz muita falta.

Não gostei da conversa chata que tive com Tai ontem (me desculpa de novo pela grosseria). Não gostei do kart hoje. Não estou gostando de como me sinto.

Músicas melancolicas, pra ficar no clima. Seja pela letra, seja pelo que ela significa para mim: Preta pretinha - Novos baianos; Menina mulher da pele preta - Todas as versões possíveis e imaginaveis; O telefone tocou novamente - Jorge Benjor; By starlight - The smashing pumpinks; Travessia - Milton Nascimento; Driving - E.B.T.G (essa tava sumida); Maybe tomorrow - Stereophonics; Can't take my eys off of you - Não sei de quem é a versão.

Um comentário:

você sabe... disse...

Thito,
Eu já desculpei. Já disse... Não sou rancorosa e você sabe bem disso. No momento em que nós estamos, dá facilmente pra passar por cima disso e ajudar o outro a melhorar. Acredite em mim, viu?
Outra, a versão de "Can't take my eyes of you" é de Gloria Gaynor.
Beijos, querido!