04 março 2007

Dá-me tu amor, solo tu amor...


São 3:39 da manhã de domingo e ainda não dormir. Será o retorno na insônia??? Espero que não...

Não atualizei o blog na quarta porque não tinha o que escrever nele. Essa semana me dei férias, então a única coisa que fiz foi trabalhar. Nenhuma outra obrigação. No entanto, minhas férias acabam hoje. Volto a trabalhar com a monografia, fazer meu horário da Universidade, sair (segunda tem show da Naurêa). Enfim, voltar a vida normal.

Segunda também volto pra academia e, se possível, ao judô. Estou precisando de atividades físicas urgentes. Não gosto de ficar parado desse jeito. Só espero que meu tornozelo dê conta do recado.

Tenho pensando um pouco nesses últimos dias sobre meu estado civil. Não gosto dessa vida de solteiro prolongada, mas também não vou arranjar alguém só pra tapar buraco. Espero não demorar pra encontrar alguém. Enquanto isso a vida segue...

Tenho sentido falta de algumas pessoas ultimamente. Não vou citar nomes, mas gostaria muito de encontrá-las em breve.

Meu cabelo está grande, minha barba está feia. Continuo barrigudo como sempre. Acho que tá na hora de melhorar esse meu visual. Aguardem mudanças.

Não vou escrever PS. E gostaria que as pessoas que visitam esse pequeno blog comentassem mais vezes.

3 comentários:

Fernanda disse...

vem aqui que vc encontra alguem...
x*

Júlia disse...

Oi,
Vim te visitar aki, to te achando meio triste hein,juro pra vc q naum tinha lido o blog antes da conversa, foi transmimento de pensação rsrsrs.
Acho q esso coisa de ficar sozinho é meio louca, agente já falou sobre isso...
E cada dia q passa me sinto mais como vc... maldita distância...Acho q vc ta começamdo a entender minhas dúvidas...
Beijos!!

vc sabe muito bem :) disse...

querido,
queria tanto estar chegando aí amanhã... sinto sua falta e das nossas conversas tb. te cuida. e cuida do jardim que as barbuleta vem ;)
é verdade... se bem que no teu jardim, nunca faltaram né?
amo você, viu pequenininho???