22 julho 2008

Fecho os olhos pra não ver passar o tempo...

     Meus braços + seus braços = um abraço. Quente por ser desejado, por ser demorado, por ser nosso. Um laço. E no espaço que não cabe um porquê coube um mundo.

     Sua pele liberava um delicioso cheiro de desejo, doce e intenso, e atingia por completo o meu pensamento. Queria só mais um momento para poder saborear o que não tem nome, não tem cor.

     Como eu queria que o tempo parasse!! Que o mundo não rodasse, que a lua não se fosse, que a hora não passasse. Mas passou.

     E voltamos ao que somos. Mas de uma coisa eu tenho certeza, bem nofundinho, do meu coração: paixões são para agora, amores são para sempre...

7 comentários:

Tâmara disse...

Taí uma grande verdade....
Amores são para todo sempre!!!
Beijos!

Grazielle disse...

Aêeeeeeeeeeeeeee... GOSTEI IMENSAMENTE DESSE SEU TEXTO!
a verdade em poucas linhas

por Priscila Michels disse...

Me caiu como uma luva! Paixão é momento, amor é pra sempre...
Beijos!

Jana disse...

uhuuuu a coisa anda boa por aqui não? rsrs \o/


beijo

Carol disse...

Eita, que esse foi de tirar o fôlego!
Beijos

Vall disse...

Sr.carente de tudo,
tem os olhos lindos e verdadeiras palavras... será tão carente assim?

Graziele Alencar disse...

Que delícia de abraço! rsss
Beijos e boa semana!