13 maio 2009

Fatos noturnos



      Mudando um pouco do assunto dos últimos posts (em breve tem mais, com certeza), estou aqui sem poder dormir. Sim, não é porque eu quero estar acordado que escrevo essas insones linhas, mas única e simplesmente porque estou impedido de tal função fisiológica. Vamos aos argumentos:

1 - Eu tenho sono leve. Não o leve de alguém ter que lhe balançar 3 vezes para você começar a voltar a si. Só de alguém pensar em me acordar eu já estou de pé.

2 - Meu irmão que dorme no mesmo quarto que eu ronca. Quando fica gripado, mais ainda. Se o nariz entope...

3 - Estou com sinusite. Dor de cabeça, febre, nariz corizando ou tapado. Nada disso ajuda a ter um bom sono.

      Agora junte isso tudo ao mesmo tempo. Para temperar um pouco, um pai que acorda de madrugada e precisa acender todas as luzes da casa para nada. Deve ser pra testar a iluminção. Pronto. Agora vocês tem um noção da minha tragédia noturna.

      Para não dizer que eu só reclamo, durmo melhor no inverno ou em dias de chuva. Sabe como é, calor me deixa agoniado...

      Agora só me resta tentar virar meu irmão (para ele roncar menos), virar o ventilador e aproveitar o barulho da chuva para tentar dormir. E nem venham com essa de carneirinhos...



3 comentários:

Clara disse...

Totalmente solidária, Thito!

Minha insônia no geral é catalisada por "over-pensar", repassar o dia, pto a pto, esquadrinhando as coisas... aff, qua gastura.

Tb durmo bem melhor no frio.

Cindy Rosa disse...

eu sei que vc não dormiu de tanta saudade de mim ;)

eu tb não dormi direito..
kkkk

beijo amor ;*

Ela disse...

Sinusite é uma tortura... desde segunda estou de cama por isso... e a única sensação que você tem é que não há nada que tire aquela dor miserável...

Beijos e melhoras pra vc :)