11 fevereiro 2008

Vou beijar-te agora, não me leve a mal, hoje é carnaval.

     Carnaval acabou e as pessoas fazem comentários sobre a contabilidade do carnaval. Quanto bebeu, quanto pulou, quanto beijou. Tem até outras contagens, mas essas 3 são as principais.

     Beber eu bebi pouquíssimo. Primeiro porque não estava afim, segundo porque estava sem dinheiro e terceiro porque queria conhecer bem os lugares e o clima de lá, e bêbado não rola. O único dia que me propus a beber foi na terça. Pela manhã e no começo da tarde deu pra virar várias (achamos cerveja Skol em lata por 1 real) e gastar pouco. E a noite seria pra arrebentar: ía detonar uma garrafa de tequila!!! Fui no Bompreço, comprei uma e na volta... torci o tornozelo. ¬¬'

     Sacanagem pouca é bobagem, ainda tomei umas 3 doses em casa, mas já tinha perdido a vontade. =P

     Quanto a pular, pulei o suficiente. Não sou dos maiores dançarinos, só me mexo quando estou com muita vontade. prefiro mais ficar observando.

     E quanto a beijar... tô na mesma do dançar. Beijei pouco (tendendo a zero mesmo), no entando só quem me deu vontade.

     Só que isso aí é sobre mim. Quanto as pessoas que estavam comigo eu não respondo nem comento. Mas que foi engraçado, foi. =D

3 comentários:

Grazielle disse...

Uahahahaha

Adorei o post...

"Beijei pouco (tendendo a zero mesmo), no entando só quem me deu vontade."
Acho que só presta assim... (sou meio arcaica, fazer o q?)

:*

inté

Mairla disse...

com pé torcido ou não, sei que eu não deixava a garrafa de tequila sobrar não viu?
hahaha

meu carnaval também foi bonzinho tb. foi bem tranquilo até, do jeito que gosto =)

:*

Mairla disse...

hahahaha pior que nem é proposital. escrevo quando dá vontade mesmo :x
mas eu tava postando com mais frequencia, vou tentar voltar :]

=*